Concerto dos 12 anos da Elevação de Estarreja a Cidade com a Banda Bingre Canelense

Sábado, 28 de Janeiro 2017


Nas comemorações do 12º Aniversário da Elevação de Estarreja a Cidade, dá-se continuidade ao ciclo de concertos protagonizados pelas bandas do Município.

As comemorações são marcadas pelo trabalho das coletividades locais que, a convite do Município de Estarreja, encontram no seu próprio concelho de origem, lugar privilegiado para divulgação e fruição dos seus projetos artísticos.

Depois da Banda Club Pardilhoense, da Banda Visconde de Salreu, e da Orquestra do Clube Cultural e Desportivo de Veiros, este ano é a vez da Banda Bingre Canelense se assumir como anfitriã do Concerto Comemorativo, este sábado, dia 28 de janeiro de 2017, pelas 21h30, no Cine-Teatro de Estarreja, com entrada gratuita.

Detentora de um passado musical invejável, a Banda Bingre Canelense goza do estatuto da mais antiga coletividade do Concelho de Estarreja e uma das mais antigas do Distrito de Aveiro.

Com 151 anos de existência, foi em 1865 que nasceu a “Sociedade Musical União Canelense”, passando depois a denominar-se Banda Bingre Canelense, homenageando o poeta Francisco Joaquim Bingre, conhecido por "O Cisne do Vouga", nascido nesta localidade.

Há mais de 30 anos em funcionamento, a sua escola de música é frequentada por alunos nos vários níveis. Além de ser gratuita, é também iniciadora de novos elementos para a Banda de Música, composta atualmente por 60 elementos. A Banda é dirigida pelo Maestro Prof. Nelson Manuel Cruz Aguiar.

 

 

NOTA HISTÓRICA

26 de janeiro de 2005 permanecerá na história do Município de Estarreja. Era então publicada no Diário da República a Lei nº 3/2005 que oficializava a Cidade de Estarreja. O Artigo Único da Lei nº 3/2005 refere que “A Vila de Estarreja, no Município de Estarreja, é elevada à categoria de Cidade”. A lei foi aprovada pela Assembleia da República a 9 de dezembro de 2004, tendo sido promulgada pelo Presidente da República, Jorge Sampaio, a 7 de janeiro de 2005.