À conquista do ar nas salas de aula

Quinta, 25 de Janeiro 2018


Como voam os aviões? Como se mantêm centenas de toneladas a planar no ar? Às dúvidas colocadas pelos alunos, o Ninho de Ciência respondeu com as leis da física. O programa promovido pela Câmara Municipal de Estarreja voltou às escolas com a missão de despertar as crianças para as temáticas científicas. Desta vez, levou os alunos a conquistar o ar!

José Augusto Matos, formador e divulgador na área da Astronomia, da Associação de Física da Universidade de Aveiro (FISUA), orientou mais uma vez as sessões que tiveram início no dia 10 de janeiro e terminaram esta quarta-feira, dia 24, passando por 9 estabelecimentos de ensino do município de Estarreja. Ao todo, foram realizadas 25 sessões destinadas aos alunos dos 3º e 4º anos do 1º ciclo do ensino básico.

De uma forma divertida, bem-disposta e com uma linguagem acessível, o astrónomo explicou que a conquista do ar foi uma grande revolução nos meios de transporte. Durante grande parte da história humana voar foi apenas um sonho difícil de alcançar. Muitos morreram a tentar alcançar o céu, mas acreditaram que o sonho se podia concretizar. Os primeiros voos a motor foram o início notável da história da aviação. Em apenas um século, passamos de frágeis aviões de madeira a aeronaves velozes. Hoje, as suas asas levam-nos quase à orla do espaço e mostram as mais avançadas tecnologias na conquista do ar. 

Esta é mais uma oferta de complemento curricular que o Município de Estarreja promove, ajudando a consolidar os conhecimentos adquiridos, inserida no Programa Municipal de Educação.