Jovens são chamados a construir o seu plano estratégico

Aprovadas 2 candidaturas do Município de Estarreja ao Erasmus+

Sexta, 03 de Março 2017


Um projeto feito pelos jovens e para os jovens. No âmbito de uma candidatura ao Erasmus+, ação chave 3 - diálogo entre jovens e decisores políticos, o Município de Estarreja vai desenvolver um plano estratégico para a juventude, designado Estarreja Jovem Participa (EJ Participa). A denominação escolhida vai de encontro a um dos principais objetivos da ação: que os jovens tenham um papel ativo neste processo.

O Vereador do Pelouro da Juventude da Câmara Municipal de Estarreja, João Alegria, anunciou a aprovação de duas candidaturas no âmbito do programa Erasmus +, ancoradas nas áreas da participação cívica e do empreendedorismo, o que irá permitir a operacionalização de um conjunto de ações de forma a dar-se o pontapé de saída para um programa consolidado de Juventude.

Numa primeira reunião com um conjunto de parceiros, realizada em fevereiro, foram dadas a conhecer essas candidaturas e as ações que estão no horizonte de trabalho, donde surge a finalidade de se “estruturar um plano estratégico para o Município”.

 

Estimula o diálogo entre os jovens e os decisores políticos

“Estarreja Jovem Participa” é o nome do plano cujo principal objetivo é o trabalho conjunto no desenvolvimento de estratégias e ações, focando as seguintes áreas: Emprego, Empreendedorismo e Inovação; Educação e abandono escolar precoce; Cidadania e Participação; Jovens NEET.

Como é que se pretende lá chegar? Através do “diálogo estruturado entre os jovens, parceiros e decisores políticos”. Ou seja, a partir de agora a ideia será pôr os jovens a discutir as suas problemáticas e a encontrar soluções que depois serão concretizadas no plano estratégico.

Caberá à Câmara Municipal e aos parceiros a implementação das ideias que resultarem deste processo de auscultação aos jovens. A autarquia quer envolver mais de 500 jovens de diferentes origens e mais de 20 organizações e entidades que trabalham no campo da educação, juventude e emprego. Contam-se na listagem de parceiros, o IPDJ, a CI Região de Aveiro, associações locais e escolas.

 

Conferência nacional no final do ano

A partir de agora, decorrerão reuniões periódicas com a rede de parceiros e sessões de diálogo nas escolas do concelho, assim como haverá formação de 20 jovens animadores locais e facilitadores de educação não formal, que terão a função de promover o projeto.

No final do ano, irá realizar-se uma Conferência Nacional onde se darão a conhecer os resultados deste projeto que tem uma delimitação temporal de um ano, mas que o Município quer que perdure no tempo.

 

6 dezenas de jovens em Estarreja nas Festas do Município

A segunda candidatura aprovada no âmbito do Erasmus+, dentro da Ação 1 - Mobilidade de Jovens, prevê um intercâmbio com a presença de 64 jovens de 7 países em Estarreja, a trabalhar a área do empreendedorismo. Um encontro que terá lugar na altura das Festas de Santo António, da Cidade e de Município promovendo de igual forma a troca de experiências culturais. O financiamento das duas candidaturas tem um valor global de 55 mil euros.