Nova empresa no Eco-Parque Empresarial

Fernando Ferro & Irmão promete duplicar facturação

Quarta, 24 de Fevereiro 2010

A “Fernando Ferro & Irmão, Lda” é a mais recente empresa do Eco-Parque Empresarial de Estarreja. A pequena e média empresa – que opera na área da serralharia mecânica e metalúrgica especializada, com fabricação de peças e máquinas para indústrias diversas – decidiu instalar em Estarreja a sua sede social e acaba de realizar a escritura de compra e venda de um lote de terreno de 2.250 m2, pertencente ao Loteamento I, do Pólo A, do Eco-Parque do Município.

"Esperamos que esta mudança se traduza no sucesso que esperamos para a empresa e para Estarreja que agora é a nossa segunda terra", afirmou Fernando Ferro, sócio gerente da empresa que nasceu em 1999 e se desloca de Espinho. Em Outubro estará concretizada a transferência da unidade. “Este ano, se tudo correr bem, estaremos instalados cá e em plena laboração”, assegura o empresário.

A necessidade de crescer, de desenvolver as suas actividades e incrementar e internacionalizar a sua base de mercado, obrigou os empresários a procurar um espaço alternativo. "Estarreja está muito bem situada e achamos que seria o momento indicado e o local certo para podermos continuar e expandir a nossa empresa".

Às acessibilidades locais associam-se outras mais-valias, como a estrutura do parque empresarial de Estarreja, a forte implantação industrial na região, as políticas públicas locais e regionais com forte enfoque na qualificação de Áreas de Localização Empresarial e o facto de a metalomecânica e a metalúrgica serem áreas de actividade empresarial enraizadas na região.

O investimento em Estarreja será de “1 milhão de euros nos próximos dois anos”. A empresa prevê duplicar a facturação num prazo de 5 anos chegando a 1,3 milhão de euros. O ano passado alcançou os 600 mil euros.

A “Fernando Ferro & Irmão” exporta cerca de 15% do volume de facturação para países como a Alemanha, Itália, Inglaterra e Espanha. Alem do mais, “80% do que fazemos para o mercado nacional é destinado a clientes de exportação”, explicou o porta-voz da empresa.

Este investimento criará até 5 novos postos de trabalho, tendo a fábrica em Estarreja um total de 17 funcionários. Daqui sairão componentes para máquinas nas áreas automóvel, electrónica e de serralharia mecânica de precisão.