Mil alunos recebem a Agenda Escolar Municipal: Publicação dá a conhecer o meio local

Quinta, 07 de Outubro 2010

Outubro é dedicado à Casa de Francisco Maria de Oliveira Simões, situada no Largo da Igreja de Salreu. Mais de mil crianças ficarão a conhecer o edifício de 1914, representativo do período da Arte Nova, através da sua Agenda Escolar Municipal 2010/11, publicada pela Câmara Municipal de Estarreja, numa iniciativa que se repete pelo quarto ano consecutivo. Este ano, a temática é o Património Cultural e Edificado do Município e o Tomás é o guia nesta nova agenda ao longo do ano lectivo.

O presidente da Câmara Municipal de Estarreja, José Eduardo de Matos, e o Vereador da Educação, João Alegria, assinalaram em Avanca, na Escola do 1º Ciclo do Mato, a publicação da Agenda Escolar Municipal 2010/11, uma iniciativa da autarquia destinada às 1105 crianças que frequentam o 1º ciclo do Ensino Básico. Este é um “auxiliar precioso para os alunos”, afirma o responsável pela pasta da Educação.

A cada mês, estará em destaque um monumento: Casa Museu Marieta Solheiro Madureira, Casa dos Leites (edifício da Biblioteca Municipal), Cine-Teatro, Casa Museu Egas Moniz e as Igrejas.

Ao desfolhar a agenda, os alunos encontram também vários passatempos alusivos à história do concelho e curiosidades apresentadas pelo Tomás. “Sabias que… a Capela de Nossa Senhora dos Remédios está situada na Rua do Curval, em Pardilhó. De influência Barroca, foi mandada edificar por Manuel Rodrigues em 1717”, ensina o guia da agenda deste ano, numa das imensas frases “Sabias que…”, que vão aparecendo ao longo dos meses.

Proporcionar informação de carácter pedagógico é um dos objectivos da Agenda. Além do mais, estão marcadas no calendário as actividades de âmbito educativo que incluem o desporto, a cultura e a educação ambiental. A primeira parte da Agenda reúne informação sobre serviços, programas, projectos e parcerias e uma apresentação do concelho.

A professora Elisabete Silva considera que este trabalho vem ajudar os alunos a conhecerem alguns aspectos do concelho. “Esta agenda, logo nas primeiras páginas, dá-nos a apresentação do nosso concelho com as 7 freguesias. Vai ser bem explorada na sala de aula. Este ano vem ao encontro do programa do estudo de meio”. A docente promete incentivar a utilização deste manual. “Eles vão organizar melhor a sua actividade lectiva com esta agenda”, considera.

O Hugo tem apenas 6 anos como é “muito esquecido, já não me esqueço dos dias”, afirma satisfeito por ter recebido a Agenda Escolar. A Bárbara, também com 6 anos, achou a agenda linda e agora pode “escrever à vontade”. Promete analisá-la com calma em casa mas numa primeira leitura já ficou a conhecer o Tomás e reconheceu algumas igrejas.