Mais de 900 crianças à descoberta da ópera no Cine-Teatro de Estarreja

Famílias são convidadas a assistir a concerto este domingo

Sexta, 15 de Fevereiro 2019


928 alunos a ver, ouvir e a sentir uma orquestra ao vivo e atentos à ópera. Sim, é possível e aconteceu esta semana no Cine-Teatro de Estarreja. Esta foi a primeira parte do programa “Música na Escola” e que irá proporcionar no domingo, às 16h, um concerto dedicado às famílias.

Inserido no Programa Municipal de Educação, o projeto “Música na Escola”, dinamizado pela Orquestra Filarmonia das Beiras, tem o objetivo de divulgar, formar, sensibilizar e desenvolver o gosto musical do público infantil. Este ano a ópera toma conta do palco e ao longo do espetáculo é abordada a ópera cómica La Serva Padrona, de Giovanni Battista Pergolesi. 

Esta semana, nos dias 13 e 14, realizaram-se quatro sessões do Concerto Pedagógico, realizado em interatividade entre a orquestra, os cantores solistas, as crianças e um apresentador. Quais são os instrumentos da orquestra, quais são os nomes das vozes dos cantores? Estas e outras questões foram sendo colocadas ao longo do concerto. A audição ativa, através da participação das crianças, é uma das metodologias privilegiadas em complemento com a experiência única e riquíssima de ver, ouvir e sentir uma orquestra ao vivo, a acompanhar os cantores, bem como a oportunidade de interagir com ela. 

No domingo, dia 17, pelas 16h, no Concerto de Família, as crianças são convidadas a assistir ao espetáculo na companhia das suas famílias, tendo aí o privilégio de serem elas próprias os guias dos seus pais e familiares numa oportunidade de partilhar novos conhecimentos, cultivar e desfrutar do prazer de ouvir música.

À DESCOBERTA DA ÓPERA “LA SERVA PADRONA” (A CRIADA PATROA), DE PERGOLESI

A obra escolhida para este programa de Música na Escola relaciona-se com a ópera, o grande espetáculo vocal, marcante na cultura europeia desde há quatrocentos anos. Trata-se do intermezzo, La Serva Padrona de Giovanni Battista Pergolesi (1710-1736). 

O intermezzo é uma mini ópera, bem-disposta, que era apresentada durante o intervalo das grandes óperas e que, neste caso, tem três personagens de recorte cómico, duas das quais cantam, mas a terceira é… muda!