287 crianças sensibilizam para a importância das espécies autóctones

As escolas de Estarreja aceitaram o desafio do Município de Estarreja e participam em diversas ações para despertar a comunidade para a valorização e preservação das espécies autóctones e dos insetos polinizadores.

Segunda, 22 de Novembro 2021


287 alunos da educação pré-escolar e do 1.º ciclo do ensino básico das escolas Visconde de Salreu, Cabeças, Pinheiro, Congosta, Padre Donaciano e Mato rumam ao Arboreto do Antuã, que transformar-se-á numa “aula a céu aberto”, para construírem comedouros/bebedouros para pássaros e ninhos para insetos, com o objetivo de aumentar a diversidade destes seres vivos essenciais na conservação da biodiversidade.  Esta ação decorre esta terça-feira, 23, a partir das 9h30, data que se comemora o Dia da Floresta Autóctone.

Existem mais de mil espécies de insetos polinizadores das cidades, entre besouros, abelhas, abelhões, vespas, borboletas, joaninhas, formigas e escaravelhos. Devido à urbanização das cidades, à poluição, à utilização de herbicidas e pesticidas, e as alterações climáticas - com as consequentes alterações das épocas de floração -, estes insetos estão sob ameaça de extinção.

Esta iniciativa permitirá assim criar “casas” que farão recriar os refúgios naturais (cascas das árvores, pedras, troncos ou em palhas) promovendo assim a preservação e o aumento da biodiversidade local.

Este dia envolverá ainda toda a comunidade escolar, e será celebrado em todos os estabelecimentos de ensino estarrejenses, com a plantação de pelo menos uma árvore nativa como o freixo, o amieiro, o carvalho, o salgueiro ou o pinheiro manso.

“O Ouriço” dá a conhecer as árvores autóctones

As comemorações do Dia da Floresta Autóctone incluirão mais ações pedagógicas na sala de aula, em todas as escolas do concelho. O Município de Estarreja disponibilizará o cartão de cidadão, em formato de marcador de livro, da espécie Pilriteiro, no âmbito da 13.ª edição do projeto «O Ouriço», que dá a conhecer, todos os anos, uma espécie autóctone.